alcatruz

Alcatruz, s.m. (do Árabe alcaduz). Vaso de barro e modernamente de zinco, que se ata no calabre da nora, e vasa na calha a água que recebe. A. MORAIS SILVA. DICCIONARIO DA LINGUA PORTUGUESA.RIO DE JANEIRO 1889 ............................................................... O Alcatruz declina qualquer responsabilidade pelos postais afixados que apenas comprometem o signatário ...................... postel: hcmota@ci.uc.pt

24.6.19

 

Um sexto


Um sexto (17,3%) dos portugueses era pobre (INE 2017).

Melhor, mas não chega. 


Etiquetas:


22.6.19

 

História cíclica


O ensaio “O Fim da História?” foi publicado em 1989.. Fukuyama argumentou que a História tinha chegado ao fim. Alguns meses depois, o Muro de Berlim caiu e a Guerra Fria terminou. Fukuyama passou a ser um dos mais célebres cientistas políticos a nível mundial. Foram os anos em que muitos se convenceram de que o processo histórico era linear.
Hoje, sentimos que não é bem assim. Tememos pelo futuro da democracia liberal dentro e fora da Europa. Ideias políticas que julgávamos extintas estão de regresso, com algum sucesso, ao Velho Continente e noutras partes do mundo. A História, afinal, não parece ter acabado. Porquê?

Clima ciclotímico

*Supunha que a história mundial era cíclica, desenvolvia-se por ciclos longos. A história da Terra também. Estamos a assistir a um ciclo estranho, anómalo segundo os nossos padrões. 
Qualquer que seja a causa, não há alternativa à antropogénica - tentarmos moderá-la, para que a profecia de Fukuyama se não concretize de outra forma.
Ou recorrer a Santo António:
Todos os males humanos,
se moderam, se retiram.
Digam-no aqueles que o viram.
Digam-no os paduanos.

Etiquetas:


19.6.19

 

Quando a esquerda se rende à saciedade - à sociedade de consumo




1. Draghi … apelou a que os políticos — à escala nacional e europeia — usem os instrumentos orçamentais e de investimento público para fazer crescer o emprego e a prosperidade partilhada na EU.

2. ... melhorar e universalizar os serviços públicos numa lógica de combate às desigualdades.  Rui Tavares

Mas.. O país acredita muito na redistribuição e muito pouco na criação de riqueza.    Manuel Carvalho



a) BE ... uma “economia mais justa”; por melhores salários e menos disparidades salariais

b) O PCP apresentou hoje as linhas gerais do programa eleitoral …que incluem um "aumento geral dos salários" e das pensões e um programa extraordinário de investimento nos transportes.

   Baixa o preço dos transportes sem melhorar a eficiência; abole as taxas moderadoras sem melhorar o SNS. Como se dizia dos túneis rodoviários da Av. da República em Lisboa - servem para chegar mais depressa ao engarrafamento seguinte.

d) E a FenProf faz reféns entre os alunos para reivindicar a contagem de nove anos, quatro meses e dois dias (9.4.2).

e) E os alunos aprendem a lição - fazem greve às aulas para forçar os manda-chuva a fazer jus ao nome.

Etiquetas:


 

A prova dos nove


(9.4.2) Mário Nogueira reeleito líder da FenProf 

Mário Nogueira foi reeleito secretário-geral da Fenprof; foi escolhido por quase 99% dos delegados, numa eleição em que não tinha lista concorrente.
O dirigente sindical já anunciou que será o último. No final desse período, será a pessoa que mais tempo liderou a FenProf: 15 anos (2 x 90 meses)
Os professores reivindicam a contagem de nove anos, quatro meses e dois dias (9.4.2)

9.9.9.9.9.9 O rei dos Konsos

Na Etiópia vivem, desde há muitos séculos, os konsos.
Têm um rei, que é a autoridade máxima de todos os clãs, gerindo conflitos em conjunto com um conselho representativo de toda a população. A sua cultura de poder é dinástica, o atual rei conhece a história de 20 gerações anteriores, mas disse-me que os konsos existem há dois mil anos.
Quando o rei morre é mumificado e fica sentado numa sala especial da residência da família, durante nove anos, nove meses, nove dias, nove horas, nove minutos e nove segundos, após o que é enterrado. A cultura konso considera que se não for assim, não é reconhecida ao filho autoridade para poder exercer o seu reinado.
José Gameiro. Expresso

Etiquetas:


13.6.19

 

Da silvilização à civilização



OPINIÃO



Portugal ainda é uma Portalegre ampliada, porque, como dizia Raul Brandão a propósito de Gomes Freire de Andrade, aqui não ganham os inteligentes, mas (para nossa desgraça colectiva) os mais espertos.

* É a lei natural, a da selva,"sobrevivência dos mais aptos", a "seleção natural". (Darwin)
A ciência explica porquê; à sociedade, à escola e à política compete promover outros valores e outros critérios.

Etiquetas:


 

Senhores, dêem-nos? .. dizei uma só palavra?


Dêem-nos alguma coisa em que acreditar

Etiquetas:


12.6.19

 

Metade para cada um


Quando o melhor para as crianças é o melhor para os pais divorciados

Neste regime, as crianças ficarão metade do tempo com a mãe e a outra metade com o pai. É uma situação rara em que todos saem a ganhar, pelo que nem devia haver polémica.
* As crianças não serão ouvidas quando as metades não se entendem? As crianças como propriedade de que os pais têm direito de usufruto?

Etiquetas:


 

Auto remorso colonial


João Miguel Tavares atira ao mito luso-tropicalista e atrapalha dois Presidentes

JMT/Egas Moniz foi ao Mindelo/Toledo, de corda ao pescoço e levou o PR/Afonso Henriques consigo. 
Um Auto remorso colonial.
Pena ter sido no Mindelo, onde Camões tem um busto; melhor teria sido na Cidade Velha de Santiago, onde há um pelourinho quinhentista e onde António Vieira pregou*. E o PM de Portugal ainda lá estaria.
* e encontrou “uma população de negros civilizados falando português”.  “Há aqui clérigos e cónegos tão negros como azeviche; mas tão compostos, tão autorizados, tão doutos, tão grandes músicos, tão discretos e bem morigerados, que podem fazer invejas aos que lá vemos nas nossas Catedrais...


Etiquetas:


10.6.19

 

Todo o Mundo e Ninguém de esquerda


Desigualdade e Serviço Público
Pagos ou gratuitos, subsidiados ou comparticipados, regulados ou protegidos, os serviços públicos deveriam ser o ponto crítico da acção dos governos, de qualquer poder preocupado com o bem-estar dos cidadãos. António Barreto

Todo o Mundo e Ninguém de esquerda
Todo o Mundo (sindicatos, ordens, partidos de esquerda, “geringonça”, governo) busca melhores salários e menos horas de trabalho para alguns. Mesmo à custa dos outros que não hesita em fazer reféns.
Eu hei nome Todo o Mundo
e meu tempo todo inteiro
sempre é buscar dinheiro

E Ninguém se preocupa com melhores serviços públicos (para todos)
Eu hei nome Ninguém,
e busco a consciência

Belzebu: Escreve com muito aviso.
Dinato: Que escreverei?
Belzebu: Escreve que todo o mundo quer paraíso
e ninguém faz o que deve.
 

Todo o Mundo e Ninguém - Auto da Lusitânia
representado, em 1532, quando a corte de regressou a Lisboa, depois de terem passado os efeitos da “crise”.


Etiquetas:


8.6.19

 

Da servitude à servilitude



De proletário a colaborador

de colaborador resignado a cúmplice satisfeito vai o salto duma cobra.

Etiquetas:


 

Brexit, após prolongamento


Do Reino Unido, só a Inglaterra jogou.

Etiquetas:


6.6.19

 

Juízo, juízes


A diferença que um minuto faz; ou uma letra.

Etiquetas:


4.6.19

 

Portugal, o país da mobilidade sentável



Portugal, o país da mobilidade sustentável

Portugal: ao segundo produtor europeu de bicicletas só falta... pedalar


Etiquetas:


3.6.19

 

Augusta Agustina


Em O Mosteiro
Era Augusta mas optou por chamar-se Agustina; reservara augusta para adjectivo.

Etiquetas:


 

Agustina


O dia em que se apagou moura e pereça,
Não o queira jamais o tempo dar;
Não torne mais ao Mundo, e, se tornar,
Eclipse nesse passo o Sol padeça.

A luz lhe falte, o Sol se [lhe] escureça,
Mostre o Mundo sinais de se acabar...



Archives

12/2004   01/2005   02/2005   03/2005   04/2005   05/2005   06/2005   07/2005   08/2005   09/2005   10/2005   11/2005   12/2005   01/2006   02/2006   03/2006   04/2006   05/2006   06/2006   07/2006   08/2006   09/2006   10/2006   11/2006   12/2006   01/2007   02/2007   03/2007   04/2007   05/2007   06/2007   07/2007   08/2007   09/2007   10/2007   11/2007   12/2007   01/2008   02/2008   03/2008   04/2008   05/2008   06/2008   07/2008   08/2008   09/2008   10/2008   11/2008   12/2008   01/2009   02/2009   03/2009   04/2009   05/2009   06/2009   07/2009   08/2009   09/2009   10/2009   11/2009   12/2009   01/2010   02/2010   03/2010   04/2010   05/2010   06/2010   07/2010   08/2010   09/2010   10/2010   11/2010   12/2010   01/2011   02/2011   03/2011   04/2011   05/2011   06/2011   07/2011   08/2011   09/2011   10/2011   11/2011   12/2011   01/2012   02/2012   03/2012   04/2012   05/2012   06/2012   07/2012   08/2012   09/2012   10/2012   11/2012   12/2012   01/2013   02/2013   03/2013   04/2013   05/2013   06/2013   07/2013   08/2013   09/2013   10/2013   11/2013   12/2013   01/2014   02/2014   03/2014   04/2014   05/2014   06/2014   07/2014   08/2014   09/2014   10/2014   11/2014   12/2014   01/2015   02/2015   03/2015   04/2015   05/2015   06/2015   07/2015   08/2015   09/2015   10/2015   11/2015   12/2015   01/2016   02/2016   03/2016   04/2016   05/2016   06/2016   07/2016   08/2016   09/2016   10/2016   11/2016   12/2016   01/2017   02/2017   03/2017   04/2017   05/2017   06/2017   07/2017   08/2017   09/2017   10/2017   11/2017   12/2017   01/2018   02/2018   03/2018   04/2018   05/2018   06/2018   07/2018   08/2018   09/2018   10/2018   11/2018   12/2018   01/2019   02/2019   03/2019   04/2019   05/2019   06/2019   07/2019   08/2019   09/2019   10/2019  

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Site Meter