alcatruz

Alcatruz, s.m. (do Árabe alcaduz). Vaso de barro e modernamente de zinco, que se ata no calabre da nora, e vasa na calha a água que recebe. A. MORAIS SILVA. DICCIONARIO DA LINGUA PORTUGUESA.RIO DE JANEIRO 1889 ............................................................... O Alcatruz declina qualquer responsabilidade pelos postais afixados que apenas comprometem o signatário ...................... postel: hcmota@ci.uc.pt

31.12.10

 

Feliz Ano Novo
.
.
.
.
.
.

assim o saibamos fazer.

Etiquetas:


 

O Hospital Pediátrico deve

Etiquetas:


 
Rodrigues padrão

Alguns 'luxos' dos Rodrigues ficam em 2010
O orçamento mensal - actualmente 2500 euros -vai encolher 172 euros (7%).
Como muitos portugueses, F., jornalista e P., militar, na casa dos 40, e os filhos, A. e S., 17 e 13 anos, cortarão no que não é essencial.
A primeira coisa a ficar já pelo caminho é o ginásio de P. O de F. já tinha sido dispensado quando percebeu que era "um autêntico roubo". Agora, o militar optará pelos passeios de bicicleta.
A. vai continuar a fazer surf, a rasgar a roupa de marca nas andanças de skate. Mas o maior impacto na carteira será no supermercado. Mas como apreciam queijos e iogurtes, deixam nas compras mais de 600 euros mensais.
A sorte dos Rodrigues é não estarem à mercê das taxas de juro, pois pagam uma renda de 257 euros por uma casa do Exército.
Se as despesas se tornarem incomportáveis, o corte seguinte será na empregada doméstica. "Volto a ser Gata Borralheira..."

*Ginásios, empregada doméstica, roupa de marca, casa do exército ... qual a percentagem de portugueses terão que abdicar desses “luxos”?
Quando a jornalista quis descrever uma família padrão (Como muitos portugueses) escolheu a de uma jornalista; a sua?

Etiquetas:


 
Pandemia
erguei-vos ó vítimas da vossa vã cobiça

Mal vai o mundo se não há uma geração de líderes políticos com capacidade e coragem de fazer frente a este bando de abutres que suga o trabalho, o esforço e os sonhos de tanta gente que é vítima da sua ganância sem limite. Miguel Sousa Tavares. Expresso 30-12-2010.* Ganância, ambição, desejo incontido, pulsão consumista são doenças contagiosas. Em plena pandemia haverá “líderes políticos com capacidade e coragem de fazer frente a tanta gente que é vítima da sua compulsão consumista”?
Num país em cuja língua aspirar também significa sugar?

Etiquetas:


30.12.10

 
A geração de 60

será em Portugal uma das primeiras em décadas e décadas a ser sucedida por outras que viverão pior. O ano que agora acaba é aquele em que se tornou óbvio que falharam a vida, meninos. O que nos espera de agora em diante é constatar que para lá desse falhanço também lixaram a vida daqueles que vieram depois. Helena Matos

Na fase oral, a primeira da evolução psico-sexual ( até aos 2 anos), a líbido está ligada à estimulação da boca, associado à alimentação.

.
A progressiva diminuição do número de filhos está associada ao excesso de peso; o que daria para muitos agora (não) sobeja para poucos.
A pilula é uma comodidade dos anos 60; não sei se o aborto a pedido terá algo a ver com isto.
.
.
.
.
.

Etiquetas:


 

Árvore natal
que deixamos às novas gerações portuguesas.
Lá de cima, Manoel de Oliveira nos contempla.

Etiquetas:


29.12.10

 
Sociobiologia atrevida

Presidenciais 2011
Acaba de ser comprovado por métodos científicos de primeira água (RCT) que a propaganda eleitoral é eficaz mesmo nos cépticos.
Research Article
Methods
Eleitores were randomized to either placebo presented francamente aspromessas made of an inert substance, like sugar pills, that have been shown in anteriores eleições to produce significant resultados through persuasão processes” or controls sem quaisquer promessas with the same quality of interaction with media
Results

Promessas produced significantly higher mean global improvement scores at endpoint (5.0 vs 3.9, p = .002).
Conclusion:

Promessas descaradas may be an effective persuasor.
Kaptchuk TJ et al. Placebos without Deception. 2010.

* Assim sendo, vou assistir ao último debate na RTP.

Etiquetas:


 
Rede viária:
O país ainda não parou para pensar sobre as consequências de um modelo que não deu certo.
* Mas como pensar, se é perigoso (e proibido) parar na via? (AO)

Etiquetas:


 
Colóquio dos simples

Dietas intelectuais e outras cousas boas pera saber
Doututor Pangloss
O médico que se preocupe com a saúde do seu paciente, dos pés ao cabelo, não deve apenas aconselhar mudanças de dieta alimentar e hábitos físicos. Deve ainda aconselhar mudanças de dieta de leitura, mudanças de dieta de música, mudanças de dieta de imagens. Tal como aconselha alimentos e hábitos, poderia aconselhar filmes, livros, fotografias e artigos de jornal, compositores e concertos.
Quando se faz algo que pode interferir na cabeça dos outros é interessante pensar nesse médico ideal, lúcido e sábio, provavelmente inexistente, que algures, no seu consultório, aconselha dietas intelectuais.
Gonçalo M. Tavares.Das leituras e da medicina

Doutor Baptista-Bastos (Arouet)
Mas não quero dar-te conselhos. Os conselhos são o modo de os antigos imporem uma ridícula superioridade. Vais ver que as realidades não são bem assim e que as razões da existência dispõem de argumentos poéticos com os quais se pode enfrentar a manipulação, a omissão, o medo e a mentira.

"Não argumenteis com Diocórides nem com Galeno; porque não ey de dizer senão a verdade e o que sey" “isto sei eu muyto bem sabido como testemunha de vista.” Garcia de Orta a Ruano.

Colóquios dos simples e drogas he cousas medicinais da Índia e assi dalgũas frutas achadas nella onde se tratam algũas cousas tocantes a medicina, pratica, e outras cousas boas pera saber.

Etiquetas:


 
Consequências das epidemias de cólera

Pelo menos 45 pessoas linchadas no Haiti acusadas de propagar a cólera
Pelo menos 45 pessoas foram mortas por linchamento desde o início da epidemia de cólera no Haiti acusadas de praticarem bruxaria para propagar a doença.

“Tumultos do Natal”

A morte do rei Pedro V, em 1861, foi motivo de uma erupção popular. O rei gozava de grande esti­ma; durante a epidemia de febre-amarela que flagelou Lisboa, ga­nhou popularidade com o facto de não sair da capital e visitar enfermarias de doen­tes, tido como temerário al­truísmo.
Casou com a princesa Estefânia que morreu dois meses depois, dizia-se que por ter apanhado sol quando acompanhava o rei a visitar as obras do caminho-de-ferro. Essa viuvez con­tribuiu para a estima popular pelo jovem rei, cuja morte aos 24 anos ocorreu em circunstâncias estranhas: no regresso de uma caçada de Vila Viçosa adoeceu gravemente com dois irmãos que o tinham acompanha­do. Um dos irmãos morreu e, poucos dias depois, morreu o rei. Espalharam-se rumores de envenenamento. A autópsia revelou que a causa da morte fora o tifo.
D. Pedro V morria sem sucessor; o trono passava assim para seu irmão D. Luís, que então estava ausente do País, e voltou pouco depois, acompanhado pelo infante D. Fernando. Este último adoeceu e faleceu logo depois de chegar a Lisboa. Tal facto foi interpretado como uma comprovação das suspeitas.
A população, alarmada e de luto, veio para a rua, e panfletos anónimos indica­vam o nome dos «regicidas» e clamavam vingança. Nos dias 25 e 26 de Dezembro, grandes bandos de populares percorreram a cidade e tentaram atacar os ministros que tiveram que se refugiar no arsenal da Marinha.
José Hermano Saraiva. História de Portugal . Alfa 1983

Etiquetas:


28.12.10

 

Um presépio estranho
Adeganha
Os pais bem agasalhados em trajes de fidalgos velam um recém nascido completamente despido. Ao fundo tanto o burro como a vaca tradicionais pastam com idêntica indiferença.

Etiquetas:


 
As frieiras de España

Deuda a Gran Velocidad
La deuda de las autonomías aumenta al doble de velocidad que en la Administración central.
EL PAÍS
* Em Espanha, a dívida viaja em AVE (TGV); não admira que a velocidade seja maior na periferia que ao chegar a Atocha.

Etiquetas:


 
A conjunção da dívida
.
Vendas de Natal vão igualar nível de 2009, dizem as grandes lojas mas aumentou a crise nos lojistas mais pequenos.
"Ao contrário do que temos pedido, não se vêem medidas de incentivo ao consumo e ao mercado interno", lamenta o vice-presidente da Confederação de Comércio e Serviços.
.
* Terminaram as vendas de Natal, começaram os saldos e os lamentos; uns acusam o excesso de consumo, outros a especulação e os mercados.
Quando o Douro inunda Miragaia uns culpam a chuva, outros a maré-alta. E, todos (os que guardavam ao bens no chão das caves como nas outras cheias) culpam o governo que não previu, avisou, não tomou medidas de incentivo ao consumo e ao mercado interno) e as companhias de seguros que não ...

Etiquetas:


27.12.10

 
Natal pós termo
Presépio rural de Covas do Barroso

Com tochas, cestas de oferendas, cabaça, pote à cabeça, pé neorealista de um companheiro do trolha de Pomar, vaca nada barrosã, mocha e pré-chagaliana, o cometa e tudo

Etiquetas:


 

EN 15
Rossas (prox)
Trás-os-Montes no Outono.

Etiquetas:


 
Sociobiologia atrevida

As frieiras da Europa
A circulação nas extremidades - mais longe do coração propulsor - é mais difícil pelo é ali que se manifestam os primeiros sinais de colapso ou apenas de frio – quando os pés estão mal agasalhados e se mexem pouco. Era o caso das frieiras que, no inverno, flagelavam muitas crianças do meu tempo quando as casa e as escolas eram mal aquecidas. Com um ambiente um pouco menos frio esse flagelo hoje quase desapareceu sem ter de esperar pelos resignados “pós de maio”.
O actual inverno financeiro que atinge a Europa também se manifesta primeiro nos países periféricos e por razões semelhantes às das frieiras; como remédio há quem proponha amputar os dedos dos pés.
"A consequência lógica desta crise é a saída do euro dos periféricos"
Frieira era também aquele que não parava de comer, nunca parecendo saciado sem que se visse o proveito.

Etiquetas:


26.12.10

 
Uma velha história que se repete
.
A isso se juntava o banco de depósito, as letras de cré­dito, as passagens de dinheiro através das fronteiras. Com as letras de crédito, Diogo Mendes tinha os prínci­pes na mão, e sobretudo o Habsburgo.
Todos os poderosos se assemelham; querem mais terras e dinheiro para guerras. O rei de França, Francisco I, queria tudo o que tinha o Habsburgo e batia-se contra Carlos V; o Habsburgo queria alargar o império e inva­dia a França; o Papa queria reduzir o poder dos prínci­pes e o rei de Inglaterra queria repudiar a mulher. Tudo isto custava muito dinheiro; o banco Mendes tinha, pois, os príncipes na mão.
C. Clément. A Senhora. ASA 2002

*Há cinco séculos a senhora dos mercados era Beatriz Mendes, aliás Hanna Gracia, uma judia portuguesa

Etiquetas:


 
Lei da oferta e da procura

E aqueles que por obras valerosas
se vão da lei da-oferta-e-da-procura aproveitando.

Etiquetas:


24.12.10

 
Fitch corta rating de Portugal

As previsões das agências de notação financeiras equiparam-se às da OMS quanto à evolução da gripe A. Enganaram-se redondamente mas continuam a fazê-las e, à falta de melhor, o mundo rege-se por elas; como as previsões meteorológicas.
Ao menos a OMS reconhece a natureza caótica das endemias e promove uma auditoria interna; as agências went on business as usual as show must go on.
.

Pandemics, like the viruses that cause them, are unpredictable… and prone to deliver surprises. (tal como "os mercados".)
This pandemic has turned out to be much more fortunate than what we feared a little over a year ago.
…we have been aided by pure good luck. (
tal como "os mercados" dirão, aliviados)

Etiquetas:


 
Ex-espia russa estreia-se na política.
*Expia

Etiquetas:


 

Presidenciais 2011
.
Cavaco-Defensor
"Para serem
mais honestos do que eu têm que nascer duas vezes"

...........................................................................................Espelho meu, haverá no mundo
...........................................................................................alguém mais honesto do que eu?

Etiquetas:


23.12.10

 
O país do preço certo

1. A TV oficial de um país endividado e a viver de empréstimos gasta uma hora de horário nobre a promover o consumo e a exaltar a sorte.
2. Os portugueses movimentaram mais de cinco mil milhões de euros com cartões de débito e crédito nos primeiros vinte e um dias de dezembro, um
aumento de 4,3% em relação ao ano passado
*Um euro por hora per capita; em menos de meio dia estafam o aumento mensal do salário mínimo.
3 A LUSA, a Agência de Notícias de Portugal faz publicidade a bugigangas “tecnológicas”
Natal "tecnológico" conquista portugueses
"Smartphones", os "Tablet PC" ou os "ipad", apesar da crise, são as escolhas preferidas para colocar no sapatinho; a Xbox com Kinect, Wii Fit Plus e as diversas opções da Playstation.
O 3D, por sua vez, poderá ter este ano um 'boom' de vendas até agora não conhecido.
4.
Gestão do rendimento para a inserção. O refeitório da Associação de Professores e Amigos das Crianças do CF está aberto nas férias de Natal ... os professores tinham alertado para o facto de haver dezenas de crianças com carências alimentares, mas nenhuma se deslocou ao refeitório nos primeiros dois dias de férias. "As famílias destas crianças são beneficiárias do RSI, que foi pago há poucos dias, pelo que, muito provavelmente, ainda têm disponível algum do pouco dinheiro que recebem".

Etiquetas:


 
Hal contagioso

Afinal, as escutas a Sócrates não estão todas destruídas. Existe uma cópia selada que sobreviveu à ordem de destruição geral e urgente, decretada pelo presidente do Supremo Tribunal de Justiça. Na altura, foi oficialmente anunciado que todos os CD com as gravações áudio e respectivos documentos com citações do seu conteúdo tinham sido destruídos.
Na origem desta cópia estão os próprios procedimentos técnicos das escutas telefónicas.

Salário deste mês não chegou a todos os juízes.
Ministério reconhece que o sistema informático não processou vencimentos. Problema poderá derivar de intromissão informática das Finanças.
* Computadores contagiados por miasmas humanos.

Etiquetas:


 
Finanças homeopáticas

Os produtos financeiros em circulação "correspondem" a um valor que é doze vezes o PIB mundial.

* O capitalismo financeiro tenta diluir a economia nas finanças tal como o homeopata dilui o agente patogénico com o objectivo de o tornar terapêutico; mas, tal como acontece na homeopatia, tão longe leva a diluição que, por fim, já não restam vestígios de valor na amostra.

"Ensaiei a frio, exp'rimentei ao lume,
em todas as vezes deu-me o que é costume,
nem sinais honestos, nem vestígios de ouro
Água (
quase tudo) e fito especuladouro."

Etiquetas:


 
Bem estar
Muito mais que os adultos, os jovens portugueses (dos 11 aos 15 anos) prezam o seu estado de saúde.
.
Entre os países da OCDE são dos que menos se queixam – 3º lugar com 20,4 pontos face aos 19,2 dos holandeses e aos 23,6 da mediana da OCDE.
Health Behaviour in School-aged Children.
The Children Left Behind

Etiquetas:


22.12.10

 
Presidenciais 2011
Debate Cavaco Silva - Francisco Lopes
Revejam o debate sem som; reparem nas expressões faciais, no discurso subjacente, no que João Lobo Antunes* descreveria como a índole oculta.
Reparem ou recordem e ajam em consequência.

A jornalista do Público deve ter assistido de olhos fechados; ou sofrer da agnosia mímica.
* João Lobo Antunes, neurocirurgião e professor universitário é o mandatário de Cavaco Silva.

Etiquetas:


 
Sociobiologia atrevida

Dívida externa, olhos maiores que a cabeça
e o direito maior que o esquerdo
O problema mais grave que o País enfrenta é o aumento continuado e rápido da divida ao estrangeiro... pelo facto das importações serem muito superiores às exportações. Só em 2009, e apesar da crise, Portugal importou bens no valor de 51.368 milhões €.
... mais importante do que exportar mais, .... é aumentar a produção nacional visando substituir uma parte crescente daquilo que importamos e que poderá ser produzido internamente.
No entanto, é preciso não só produzir mais e melhor mas também repartir melhor.

Em Portugal, a defesa de um modelo baseado no aumento das exportações tem objectivos de classe claros já que visa manter um modelo baseado na grave desigualdade na distribuição de rendimentos existente. Como não se quer melhorar a repartição do rendimento, pois só assim é que se pode ampliar a procura agregada interna, procura-se substitui-la pelo mercado externo. www.eugeniorosa.com

*Perante a catástrofe que a balança anuncia desde 1993 pelo menos, “Sócrates tenta vender a dívida ao Oriente e a árabes”; é o modelo tampão dos sistemas biológicos – o bicarbonato camufla a acidose - neutraliza-a mas só até que a causa seja eliminada.
Para atenuar a dívida ao estrangeiro e a desigualdade na distribuição de rendimentos, Eugénio Rosa propõe que se reforce a “produção nacional visando substituir uma parte crescente daquilo que importamos”. Assume que o que se importa se não pode dispensar; uma estratégia semelhante à de combater a obesidade “promovendo a produção nacional” de medicamentos contra a obesidade em vez de equilibrar o balanço alimentar – reduzir o consumo ao dispêndio energético.
A acidose e a diabetes continuam sem tratamento.

Etiquetas:


21.12.10

 
Governo decidiu atrasar a alta velocidade.

Etiquetas:


 
O pastor de Rossas


A saúde dos netos deste guardador de gado está protegida pelo SNS. Ele não sabe que a UNICEF considerou a equidade deste serviço como a terceira melhor da Europa; se soubesse talvez ficasse ainda um pouco mais tranquilo.

Etiquetas:


 
Saúde das crianças pobres

Em 2010 Portugal é o país europeu com mais crianças pobres: um em cada quatro meninos que vivem no país passa dificuldades. «É a falta de habitação, de higiene, de saúde, de acompanhamento familiar... São um conjunto de situações que levam a que a criança não tenha as condições necessárias para um crescimento integral e equilibrado», a pobreza não se resume a ter ou não dinheiro.

. Apesar disso, os índices de saúde das crianças portuguesas - dos melhores do mundo - continuaram a melhorar embora nos últimos dois anos a situação parece ter-se alterado em boa parte em consequências de problemas sociocomportamentais. ....«filhas de mães adolescentes, solteiras, divorciadas, que ficam muito debilitadas no seu apoio».


*A UNICEF ( The Children Left Behind) ranks, for the first time, 24 OECD countries in terms of equality in health, education and material well-being for their children. The report looks at a particular aspect of disparity – bottom-end inequality – and asks how far behind are rich nations allowing their most disadvantaged children to fall.

Some countries are clearly doing a better job than others either in reducing socio-economic inequalities or in mitigating their impact on children’s health and development. And it is the case that the countries with the highest median levels of health – the Netherlands, Austria, and Portugal – also have the lowest levels of health inequality.
Nas três áreas da Material inequalityhousehold income, access to educational resources, and living space - Portugal está próximo da mediana da OCDE nas duas últimas mas muito mal no rendimento familiar – dos mais baixos da Europa – tal como a Espanha, a Grécia e até o Canadá.
Apesar disso, não só consegue muito bons índices da saúde como estes se distribuem equitativamente.
No que se refere a "Inequality in health well-being" Portugal está em terceiro lugar (depois da Holanda e da Noruega) e mesmo no que diz respeito a "inequality in child well-being" figura no grupo dos terceiros melhores (6 valores num máximo de 8).

O relatório termina com um aviso: With much of the data in the report pre-financial crisis, The Children Left Behind describes its findings as a 'snapshot in good times' and warns that the heaviest consequences of economic downturn tend to fall on the most vulnerable families and their children. “In hard times,” says the report, “the poorest children should be the first to be protected, not the last to be considered. A child has only one chance to develop normally in mind and body. And it is a primary responsibility of government to protect that chance - in good times and in bad.”
Quando se propõem reformas ou revoluções do SNS há que ter em conta estes cruciais dados.

Etiquetas:


20.12.10

 
“The surprisingly gloomy Portuguese”

Although richer countries are clearly happier, the correlation is not perfect, which suggests that other, presumably cultural, factors are at work. Western Europeans and North Americans bunch pretty closely together, though there are some anomalies, such as the surprisingly gloomy Portuguese.
.

* No European Social Survey (2008) o índice português de felicidade foi de 6,6 em 10, muito acima do 5,4 que a Economist nos atribui; terão sido critérios deste tipo que serviram de base às notações que a Standard & Poor's ou a Moody's atribuíram às finanças portuguesas e nos deixaram muito pouco satisfeitos.

Etiquetas:


18.12.10

 
Mediator
O medicamento Mediator, para o tratamento de diabéticos com problemas de peso, pode ter causado até 2000 mortes em França.

* Os doentes engordaram, a indústria produziu, os investigadores ensaiaram, as empresas promoveram, os médicos prescreveram e os doentes morreram mais cedo.
O moliceiro ia sobrecarregado, a borda à tona d’água; quando se afundou culparam a brisa.

Etiquetas:


 
PISA 2009; a amostra.

A OCDE questionou os 6298 alunos que foram avaliados sobre o seu meio familiar. Quarenta e um por cento revelaram que tinham dois carros em casa – 18% têm três ou mais; 97 por cento dispõem de computador e 91,4% de ligação à Internet; 34 por cento dizem ter em casa entre 26 e 100 livros e 20,3% não vão além dos 25.
Das respostas sobre a profissão das mães resulta que o grupo principal é constituído por domésticas. Quanto aos pais, dominam os trabalhadores da construção civil. Em segundo lugar, tanto num caso, como noutro, figura o grupo dos empregados de comércio.
* Uma amostra obtida aleatoriamente segundo todas as regras de isenção não é necessariamente representativa. Esta será? E a informação fidedigna?

Etiquetas:


 
Gago e as Ordens; Pombal e os Jesuítas (Ordem ou Companhia de Jesus)

Para Mariano Gago, "conseguir libertar o país da tutela das ordens profissionais na entrada das profissões é um elemento fundamental, sobretudo em período de crise económica".

* Uma declaração de falência; o ministro Gago acusa-as ao passo que Pombal acusou, condenou e extraditou.

Etiquetas:


 
Ciência, Tecnologia e Ensino Superior

O ministro da Ciência e do Ensino Superior acusou ... interesses corporativos das ordens profissionais que apenas pretendem "canibalizar" e "controlar" o acesso ao mercado de trabalho.

* De um ministro há cinco anos não se espera que se queixe mas que governe; de um Ministro da Ciência e Ensino Superior não se esperam processos de intenção mas que resolva os problemas. Uma atitude infeliz dum bom ministro da Ciência.

Etiquetas:


17.12.10

 
Rebordãos
Bragança
A sombra do pelourinho.

Etiquetas:


 
Sociobiologia atrevida
Mercado de vazios 2

As vacinas são uma das mais eficazes armas em saúde pública.
O tétano é causado por um micróbio anaeróbio – abomina ambientes arejados – produtor de uma toxina (o seu “produto tóxico”) que provoca contracções musculares violentas, fúteis, dolorosas e ininterruptas que impedem a respiração e levam à morte do doente por asfixia.
Como era difícil saber se todos ou só alguns bacilos do tétano produziam a toxina letal, em vez de propor exterminá-los a todos, Gaston Ramon (1925) optou pela estratégia de neutralizar o efeito da toxina que causava a doença. A vacina que inventou não é mais que a toxina modificada para que imunize sem molestar o receptor – uma contrafacção útil e que se não gasta.
O vacinado fica indiferente à acção da toxina; não haver vacina contra o veneno do mercado, que permitisse fruir a esplêndida astúcia da publicidade sem dependência. Comer o queijo sem desarmar a ratoeira.

Etiquetas:


 
Mercado de vazios 1

Lucrar com a venda de bugiganças não terá o mesmo resultado que o logro da venda sobre hipoteca de casas a quem as não poderá pagar? E que arrisca ficar sem dinheiro e sem bens?
Vender expectativas vãs a quem vai comprá-las iludido - casas feitas de tijolos vãos.
Vender embrulhos vazios; activos ocos. A astuta ganância de uns poucos que exploram o ingénuo desejo de muitos.
A publicidade deve ser vista como um fenómeno cultural que espelha os valores da sociedade que a produz e nos quais se insere. A publicidade está imbuída dos valores que de forma estereotipada associamos àquela sociedade .. A publicidade recolhe esses estereótipos e devolve-os à sociedade, e a sociedade revê-se nela....e responde ...
Quem tem talento - os humoristas, os publicitários - sabe recolher esses estereótipos muito bem. Bem usados, funcionam na perfeição para olear as tais rodas dentadas do comércio.
Ricardo Monteiro, responsável da Euro RSCG, a maior agência nacional de publicidade. ÚNICA, 11/12/2010

A feira das contrafacções; ali se procura comprar barato imitações fraudulentas de produtos de qualidade, penas de pavão contrafeitas com que nos engalanamos nada contrafeitos.
Esta feira de vaidades equivale a boa parte (24%?) do PIB.
Quando a piramidal falcatrua desabou, toda agente culpou as D. Marias, Pozzis, Madoffs e com razão; mas absolveu, tidos por inimputáveis, os outros actores deste teatro de faz-de-conta. Acusam o rio como se não tivesse margens.

Do rio que tudo arrasta se diz ser violento
mas ninguém diz violentas as margens que o constrangem
(Brecht).


Curiosamente as forças que hoje mais demonizam a ganância dos capitalistas são as de formação m-l, na vulgata maniqueísta.
Na história dos três porquinhos não se perdia tempo a incriminar o mal, responsabilizava-se o desleixo. A publicidade também argumenta com a capacidade crítica dos consumidores:
- A sociedade confia às pessoas a capacida­de de terem filhos e de os criarem - a mais nobre e difícil de todas as tarefas -, mas nós achamos que não podemos entregar às pessoas a capacidade de perceber se uma pulseira tem ou não a capacidade de equilibrar as suas vidas, tal como elas prometem. Esse produto era claramente ilusório, as pessoas só se deixam enga­nar quando querem.
Ricardo Monteiro, responsável da Euro RSCG, a maior agência nacional de publicidade. ÚNICA, 11/12/2010

Etiquetas:


 
Meteorologia
Tempo em Coimbra

Etiquetas:


16.12.10

 
As prendas da OCDE

Nesta época deprimida é da OCDE que vêm boas notícias; o PISA mostrou que os resultados dos portugueses de 15 anos melhoraram muito, atingindo a média europeia; noutro estudo ("In Health Care Systems: Efficiency and Policy Settings"), a eficiência dos serviços de saúde portugueses está muito bem classificada.
Atingiu-se uma esperança de vida à nascença idêntica à da média da OCDE, com um investimento menor e com um surpreendente baixo encargo administrativo. Só na desigualdade do estado de saúde Portugal está ligeiramente acima da média da OCDE mas ainda assim melhor que a França e a Finlândia.
As prendas inesperadas sabem muito melhor.

Etiquetas:


15.12.10

 
Sociobiologia atrevida

Freedom Fighters?
...muitos goeses, impedidos de visitar o navio-escola Sagres nos dois derradeiros dias da sua estada em Mormugão, sistematicamente barrados pelas forças policiais, tinham decidido agir por conta própria e fazer a ansiada visita, não por terra mas directamente por mar, numa pacífica abordagem.E lá estava, à proa de uma das maiores traineiras, de garrafa de cerveja na mão e uma camisola vermelha com a palavra Portugal, Simon Pereira, presidente da Associação dos Pescadores de Mormugão, responsável pela colorida iniciativa. A presença dos pescadores em festa foi a bofetada de luva branca nos denominados freedom fighters, promotores das manifestações anti-portuguesas dos dias anteriores.

* Nas transplantações bem sucedidas as células do enxerto adaptam-se tão bem ao receptor que este acaba por reconhecê-las como suas e deixar de necessitar medicamentos contra a rejeição.
Quando Afonso de Albuquerque conquistou Malaca expulsando o sultão que a dominava mandou construir a fortaleza (A Famosa) para defesa da cidade; como não havia pedra usou a dos túmulos dos sultões para grande escândalo dos vencidos. “Ruy de Araújo nunca deu esperança de se poder achar pedra pera fazer fortaleza, como a vontade de Nosso Senhor era que os Portugueses fizessem assento naquella Cidade, e que o seu nome fosse ali louvado, achou-se tanta pedra, e cantaria em humas sepulturas antigas dos Reys passados , que estavam em o campo debaixo do chão, e de mesquitas que derribaram, que se puderam fazer duas fortalezas”. Comentários de Afonso Dalboquerque. Conforme a 2ª edição de 1576 INCM 1973
Séculos depois, quando os ingleses se mudaram para Singapura, quiseram demoli-la para evitar que outros a utilizassem contra eles mas os malacas opuseram-se à destruição do que era tido com seu património. Sensato, Sir Raffles anuiu.

O actual comportamento dos Freedom Fighters de Goa, além de contradizer o que proclamam, equivale ao da prescrição ritual de imunossupressores anos após um enxerto bem tolerado; não acreditam que se tenha criado uma quimera.

Etiquetas:


14.12.10

 
Morte

A morte era um anjo e, ao encarregar-lhe Deus o ofício, escusou-se ale­gando que todos a abominariam.
"
Vai, tomou-lhe Deus, que ninguém te há-de atribuir culpa, mas sim à falta de médico, de alimentação ou excesso dela, à epidemia, ao desastre", etc., etc.
E assim sucede: a morte tem sempre uma desculpa. Frx. Alves, Abade de Baçal 1934

Etiquetas:


 

Rebordainhos
Bragança

Arqui
arquitectura.
"Legos" de granito nas linhas fortes, xisto para encher e castanho para cerrar; o portão vermelho, também já com aventais de zinco.

Etiquetas:


13.12.10

 

Rebordainhos
Bragança
Um pelourinho centenário e couves milenares deste ano.

Etiquetas:


 
Rebordainhos
Bragança
.
A história em quadrinhos.
O pelourinho com sua cinta de ferro e a casa da Câmara;
o pelourinho e as obras públicas. O careto sorri.
.

Etiquetas:


 
Droga contrafeita

Setenta por cento das amostras de cocaína continham fármacos para disfarçar a sua reduzida pureza.O consumo de cocaína "cortada" com fármacos como a fenacetina ou levamisole implica graves consequências para a saúde dos consumidores de drogas.
Cafeína, lidocaína, mCPP e mefedrona são os adulterantes mais comuns do ecstasy. Quarenta por cento das análises às amostras de ecstasy continham alguns desses adulterantes. Estes "agentes de corte" podem causar dependência e ser responsáveis por convulsões, colapsos cardiovasculares e vários outros distúrbios.
O Checking contribui para o sistema de alerta do OEDT; este projecto da Agência Piaget para o Desenvolvimento, co-financiado pelo Alto Comissariado para a Saúde, destina-se a analisar as substâncias psicoactivas na posse dos utilizadores, de forma gratuita e sigilosa, de modo a reduzir os riscos do consumo.
.
*Cuidado com os fármacos; use apenas drogas puras.
Antes de fruir a sua droga preferida, assegure-se que não está contaminada por medicamentos. Checki-asde forma gratuita e sigilosa de modo a reduzir os riscos do consumo”.

Etiquetas:


12.12.10

 
Gimonde
Bragança

.Um alambique destilava ao ar livre. Não provei; dificilmente o sabor se aproximaria à cor do cobre.
Há anos, D. Roberto ainda corava babeiros ao Sol.
.

Etiquetas:


 
Gimonde
Bragança

Poucos metros depois da ponte o rio de Onor desagua num meandro do Alto Sabor com outros dois rios – Frio e Igrejas. Se o rio não for cheio poderá atravessá-lo pela fiada de poldras. (ver pelo vão do arco).
.
... num sitio umbroso e pitoresco que a cada passo é escolhido para acampamento dos tostados e magros magiares (ou ciganos) que, sem repouso, frequentam todos os recantos da Província, com as suas velhas carroças puxadas a burricos. Guia de Portugal, de Raul Proença
.
O local é mágico – casas de xisto que viram a Rainha Santa, freixos à beira-Sabor, pombais arruinados que criaram borrachos, um negrilho que há muito secou e se mantém erecto apoiado numa estrutura de ferro para servir de suporte a um ninho da cegonhas.

Etiquetas:


 
Nem 8 nem 80
Portugal continua muito atrás de muitos países da Europa.VPV dixit.






.
..
................................................................................................................De João Abel Manta, Cartoons
* O valor português actual no domínio da leitura equivale a 96% do segundo melhor europeu e a 99% da média OCDE.

Etiquetas:


Archives

12/2004   01/2005   02/2005   03/2005   04/2005   05/2005   06/2005   07/2005   08/2005   09/2005   10/2005   11/2005   12/2005   01/2006   02/2006   03/2006   04/2006   05/2006   06/2006   07/2006   08/2006   09/2006   10/2006   11/2006   12/2006   01/2007   02/2007   03/2007   04/2007   05/2007   06/2007   07/2007   08/2007   09/2007   10/2007   11/2007   12/2007   01/2008   02/2008   03/2008   04/2008   05/2008   06/2008   07/2008   08/2008   09/2008   10/2008   11/2008   12/2008   01/2009   02/2009   03/2009   04/2009   05/2009   06/2009   07/2009   08/2009   09/2009   10/2009   11/2009   12/2009   01/2010   02/2010   03/2010   04/2010   05/2010   06/2010   07/2010   08/2010   09/2010   10/2010   11/2010   12/2010   01/2011   02/2011   03/2011   04/2011   05/2011   06/2011   07/2011   08/2011   09/2011   10/2011   11/2011   12/2011   01/2012   02/2012   03/2012   04/2012   05/2012   06/2012   07/2012   08/2012   09/2012   10/2012   11/2012   12/2012   01/2013   02/2013   03/2013   04/2013   05/2013   06/2013   07/2013   08/2013   09/2013   10/2013   11/2013   12/2013   01/2014   02/2014   03/2014   04/2014   05/2014   06/2014   07/2014   08/2014   09/2014   10/2014   11/2014   12/2014   01/2015   02/2015   03/2015   04/2015   05/2015   06/2015   07/2015   08/2015   09/2015   10/2015   11/2015   12/2015   01/2016   02/2016   03/2016   04/2016   05/2016   06/2016   07/2016   08/2016   09/2016   10/2016   11/2016   12/2016   01/2017   02/2017   03/2017   04/2017  

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Site Meter